Entenda a importância da água no reflorestamento e conservação de nascentes

terça, 22 de março de 2016

Hoje é comemorado o Dia Mundial da Água, criado em 1992 pela Organização das Nações Unidas com o objetivo de discutir temas relacionados ao uso e preservação dos recursos hídricos. Tendo em vista a importância da água e a possibilidade de ocorrer sua escassez, o reflorestamento e conservação de nascentes tem se tornado uma das maiores preocupações de especialistas e autoridades no assunto.

Hoje se vê a ganância por áreas favoráveis à agricultura, pecuária, loteamentos e construções e o consequente prejuízo ao meio ambiente: a redução da mata ciliar, assoreamento do leito dos rios e comprometimento das nascentes.

Para entender o impacto desse problema, primeiro é importante entender que água doce é elemento indispensável para manutenção da vida na terra, atendendo necessidades básicas, como saúde, produção de alimentos e continuidade dos ecossistemas. Diante disso, a conservação e a recuperação das nascentes de água são instrumentos essenciais para a manutenção e a qualidade de vida no planeta.

As nascentes são responsáveis por abastecer riachos, córregos e cursos d’água que abastecerão os rios. Dessa forma, se estas nascentes não forem protegidas, provavelmente a vazão de água disponível será prejudicada, afetando sua qualidade e o meio à sua volta.

Para recuperar e preservar as nascentes nas propriedades rurais é preciso incentivar e praticar o reflorestamento de nascentes e sua conservação. Confira algumas práticas que garantem a proteção desse meio:

PLANTIO EM CURVA DE NÍVEL

Técnica de conservação do solo e da água, excelente para cultivo em morros e terrenos acidentados. Neste tipo de plantio, cada linha de plantas forma uma barreira, diminuindo a velocidade da enxurrada.

EVITAR QUEIMADAS

Esta prática adotada por muitos agricultores causa sérios danos às florestas e outros tipos de vegetação, deixando o solo descoberto e matando os microrganismos e a vida do solo.

USAR OS RESTOS CULTURAIS

A matéria orgânica, quando apodrece, favorece os organismos que vivem na terra, melhorando as condições de infiltração e armazenamento de água no solo, além de diminuir o impacto das gotas de chuva sobre a superfície.

CERCAMENTO DE NASCENTES

A construção de cercas fechando a área da nascente evita a entrada dos animais e o pisoteio e compactação do solo. Deve-se manter a cerca limpa, num raio de 50 metros a partir do olho d’água.

ENRIQUECIMENTO DA VAGETAÇÃO

A vegetação em torno das nascentes funciona como uma barreira viva na contenção da água das enxurradas. Deve-se priorizar espécies nativas da região, que geralmente são divididas em pioneiras e espécies secundárias.

Mas é importante que a mata ciliar não seja plantada em cima da nascente. Deve-se respeitar um espaço mínimo de 30 metros de distância, para que a renovação da vegetação junto à nascente aconteça de maneira natural.

A Viveiro Ambiental Plante Roots possui mais de 13 anos de experiência no mercado e oferece a seus clientes desde as mudas de qualidade a serviços completos de inspeção e implantação florestal. Entre em contato pelo WhatsApp (62) 8266-1785 ou envie uma mensagem.